Ligue-nos
Envio grátis acima de 24.99€!
0
Categorias    Saúde / Bem Estar    Vitaminas e Minerais    Zinco Picolinato 50mg 60 Cápsulas
-10%
 
Zinco Picolinato 50mg 60 Cápsulas
Now
Combater níveis plasmáticos de Zinco baixos que resultam numa função imunitária seriamente reduzida. É co-factor do Timo
Promoção válida de 29 de setembro 2021 a 31 de outubro 2021
 
12,78€ 14,20€
 
Pontos acumulados na compra de 1 produto = 13
Tamanho
 
Quantidade
- +
Adicionar à caixa
 
Favoritos
Portes grátis em compras superiores a 24.99€
 
Descrição
Mais informação
Modo de utilização
 
Combate inflamações da Próstata.
 
Combater níveis plasmáticos de Zinco baixos que resultam numa função imunitária seriamente reduzida. É co-factor do Timo. Próstata - inibe a actividade da enzima 5-alfa-redutase (que transforma a testosterona em dihidrotestosterona, a hormona responsável pelo aumento da Próstata).
 
Prémio: O prémio Vity Awards é o reconhecimento máximo de um suplemento alimentar pela indústria. Os resultados baseiam-se nas vendas totais, na popularidade e na procura, reflexo da competência do suplemento.

Suplemento nutricional indicado para:
  •  Sistema Imunitário
  •  Próstata

Podemos afirmar que a função imunitária é seriamente reduzida quando os níveis plasmáticos de Zinco estão baixos. O mecanismo de acção da imunoestimulação que o Zinco exerce é complexo, embora a estimulação da hormona do timo (a qual o Zinco é um co-factor essencial) pareça ser o mais importante. O timo é um órgão bilobado que faz parte do Sistema Imunitário, ou seja, do sistema de defesa do organismo, encarregado de detectar e repelir a invasão de diferentes tipos de microorganismos (vírus, actérias, fungos, protozoários, vermes, etc.).

O timo é indispensável para diferenciação celular dos timocitos (células T jovens). As células do tecido epitelial secretam as hormonas do timo, influenciando a maturação dos timócitos e a actividade dessas hormonas é directamente dependente de Zinco  (Sprietsma,1993). A deficiência de Zinco, mesmo temporariamente, pode causar uma troca da principal actividade imune Th1 celular pela resposta Th2 humoral, levando ao desenvolvimento de muitas doenças (infecciosas) e, possivelmente, induzindo alergia  (alimentar).
 
A suplementação com Zinco pode restaurar as funções das células T, as quais são altamente zinco-dependente e, portanto,  rejudicadas quando os níveis de Zinco diminuem (Sprietsma a., Sprietsma b., 1993, Sprietsma c., 1994, Sprietsma d., 1994, Sprietsma e., 1988, Sprietsma f., 1993).
 
Dependendo da concentração, o Zinco também protege significativamente as células da necrose e apoptose (Sprietsma a., Sprietsma b., 1994, Sprietsma, 1993, Bashford, 1986), resultado de infecções e outras formas de stress, o que leva a um aumento anormal da libertação de Interleucina 1 (IL1), especialmente quando o zinco é insuficiente (Sprietsma, 1997).

Concluindo o Zinco é essencial para a manutenção do Sistema Imunitário, especialmente para a função, maturação e diferenciação das células T (Odeh, 1992). A ingestão dietética de Zinco aumenta o número de células T circulantes, enquanto que sua deficiência diminui a função dessas células.
 
A deficiência de Zinco também causa atrofia do timo e nódulo linfático e pode exercer um efeito prejudicial na replicação celular, todos esses processos estão envolvidos na resposta imunitária. 
 
Relacionados
Mais Vendidos
Tabela Nutricional
 
 
Utilizamos cookies próprios e de terceiros para lhe oferecer uma melhor experiência e serviço. Para saber que cookies usamos e como os desativar, leia a política de cookies.
Ao ignorar ou fechar esta mensagem, e exceto se tiver desativado as cookies, está a concordar com o seu uso neste dispositivo.